Plenário da Câmara de Vereadores
Tecnologia do Blogger.

Plenário da Câmara de Vereadores

Fátima Araújo cria Projeto de Lei
que vai combater aedes aegypti


Casos de doenças transmitidas pelo mosquito aedes aegypti ainda são frequente em São Luís. Conforme dados da Secretaria Municipal de Saúde (SEMUS), entre janeiro a abril de 2017 foram registrados 326 casos de dengue, uma diminuição significativa em relação aos primeiros meses do ano passando, com 1.699.

Mesmo com a redução, a vereadora Fátima Araújo (PCdoB) acredita que o combate ao mosquito na capital deve ser intensificado com o objetivo de erradicar o mosquito. A parlamentar criou, com a ajuda da doutora Terezinha Rêgo, um projeto de lei que incentiva o cultivo de citronela e crotalária, plantas bastantes conhecida por efeitos repelentes, em casas, escolas, comércios, indústria e locais públicos.

Esse método natural foi implantado em vários municípios brasileiros como Juiz de Fora (MG), Anápolis (GO), Dourados (PI) e Vitória (ES), mostrando eficácia no combate biológico no transmissor da dengue, zika e febre chikungunya.

De acordo com a vereadora, a Prefeitura de São Luís ficará responsável pela aquisição, distribuição e plantação das mudas às margens de rios e riachos, prédios e locais públicos, além da realização de campanhas mostrando os benefícios da citronela e crotalária no combate ao aedes aegypti.

“Com a implantação de programa teremos grandes chances de acabar com os casos de dengue, zika e febre chikungunya na cidade, porque o efeito repelente das plantas tem um bom raio de ação. Se espalharmos mudas por grande parte da cidade, vamos ter excelentes resultados”, afirmou Fátima.

O projeto de lei já foi encaminhado à Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Municipal e, após tramitar na Casa, será encaminhando para sanção do prefeito.
Texto: Tarcísio Brandão

---------------------------------------

VEREADOR ESTEVÃO ARAGÃO RECEBE
EXCEDENTES DO CONCURSO DA PM-MA

O vereador Estevão Aragão (PSB) recebeu em seu gabinete na manhã da terça-feira (23) excedentes do último concurso da Policia Militar do Maranhão. Em pauta a situação desses concursados.
Participando inclusive da etapa final curso de formação da PM-MA em vários quartéis pelo estado, os excedentes estavam praticamente à disposição do Governo do Estado. Porém, por força de liminar concedida ao Estado, mais de mil pessoas ficaram sem poder concluir os cursos, causando prejuízos.
Na reunião, os representantes solicitaram do vereador que seja encaminhado uma indicação para apreciação na Câmara Municipal, fazendo um apelo ao Governo do Estado para que seja realizada a convocação desses mais de mil concursados.
“Recebi o pedido dos excedentes e iremos fazer um apelo aos nobres companheiros de parlamento para que seja aprovado dessa proposição. A causa é nobre e fortalece tanto os concursados quanto a sociedade.” – afirmou Estevão Aragão.

Texto: Rachid Sauaia
--------------------------------------------------
Beto Castro mobiliza o governador
para reformar o Liceu Maranhense


A Câmara Municipal aprovou, por unanimidade, indicação de autoria do vereador Beto Castro (PROS) solicitando que o Governo do Estado – por meio da Secretaria de Infraestrutura (Sinfra) - faça estudos técnicos para reformar totalmente o Liceu Maranhense (Praça Deodoro), no Centro de São Luís.

No pleito encaminhado ao governador Flávio Dino e ao secretário de Estado de Infraestrutura, Clayton Noleto, Beto Castro esclarece que a reforma está sendo cobrada pelos alunos e professores da renomada instituição de ensino público do Maranhão. Os estudantes reclamam problemas estruturais no antigo prédio.  
Fundado em 17 de abril de 1838, o Liceu Maranhense é uma escola de referência que nos seus 167 anos de existência forma gerações e, com isso, ocupa cada vez mais lugar de destaque entre os grandes centros de educação do Brasil. O Liceu possui 26 salas de aula, mais de 3 mil alunos e cerca de 300 professores.

0 comentários:

Postar um comentário

visualizações!