Busca

Carregando...

Jumentos e vacas magras: veja coisas estranhas declaradas pelos candidatos

Todo ano eleitoral os candidatos são obrigados a preencher uma ficha do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) com seus dados e patrimônios. Como não existe uma regra para o preenchimento dos bens, algumas coisas inusitadas aparecem. Veja abaixo algumas delas:



Coisas estranhas declaradas por candidatos em 2014





Um jumento espanhol registrado - R$ 10 mil Sylvio Rodrigues Junior (PMN-SP), candidato a deputado federal Foto: Leonardo Soares/UOL





A nona parte de 80 galinhas, 5 galos, 8 éguas, 12 cavalos, 369 bezerras, 286 bezerros, 53 bois magros, 1707 vacas magras - R$ 125 mil Jayme Verissimo de Campos (DEM-MT), candidato ao Senado Foto: Thinkstock





Aproximadamente 50 toneladas de peixes tambaqui - R$ 200 mil Vitorino Cherque (PMDB-RO), candidato a deputado estadual Foto: Jefferson Christofoletti/Embrapa/Divulgação





Carroça - R$ 500 Marinaldo Rosendo (PSB-PE), candidato a deputado federal Foto: Oswaldo Rivas/Reuters





Muro - R$ 3.000 Raimundo Soares Cutrim (PC do B-MA), candidato a deputado estadual Foto: Gustavo Franceschini/UOL





Piscina e sauna - R$ 80 mil Marita Luitgards (PMDB-DF), candidata a deputada distrital Foto: Leandro Farchi/ Divulgação





Televisão de 32 polegadas tela plana - R$ 800 Mauro José de Deus Morais (PPL-AC), candidato a deputado estadual Foto: Divulgação





Uma ilha, situada em São Lourenço do Sul (RS) - R$ 3,2 milhões Luis Felipe Fromming de Mello (PSD-RS), candidato a deputado estadual Foto: Reprodução / Flickr





Uma coleção de 30 mil exemplares literários, em biblioteca particular, e uma coleção de discos de vinil e CD-ROM - R$ 40 mil Antonio Carlos Hohlfeldt (PMDB-RS), candidato a primeiro suplente no Senado Foto: Shutterstock





50% de um microcomputador com 64 bits, 256MB - R$ 2.800 José Antonio Gonçalves Viana (PDT-MT), candidato a deputado estadual Foto: Mike Blake/Reuters





Cadeira de rodas motorizada - R$ 9.800 Laudeci Vieira dos Santos (PSB-DF), candidato a deputado federal Foto: Reprodução
Fonte: Tribunal Superior Eleitoral


Ampliar


Puxadores de voto disputam as eleições em 201424 fotos 17 / 24
O ex-BBB Kleber Bambam (centro) concorrerá a uma vaga na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo pelo PRB. É a primeira eleição que ele disputa J.Humberto/AgNews


Ampliar


"Botelho Pinto", "Cara de Hámburguer"... Veja nomes curiosos de candidatos22 fotos 1 / 22
Com base nos registros do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), o UOL elaborou uma lista com nomes de candidatos (a deputado estadual e a deputado federal) que, em diferentes Estados, chamam atenção pela excentricidade Leia mais arte UOL

Joaquim Itapary lançará livro em São Bento


Joaquim Itapary lançará hoje, às 20h, em São Bento, seu mais recente livro, Onde andará Willy Ronis?, dentro da programação da Reunião Anual 2014.

Um dos mais destacados e talentosos escritores maranhenses, cujos textos ilustram a página de crônicas semanais em O Estado, marcará presença na Reunião Anual 2014 da Academia Sambentuense de Letras, que acontecerá hoje e amanhã, no município de São Bento. O maranhense, como parte integrante da programação do evento, lançará seu mais recente livro, intitulado Onde andará Willy Ronis? O encontro literário em São Bento reunirá diversos conferencistas e outros escritores que lançarão obras. Além disso, haverá conferências e o tema central será Academia e Cultura.

Joaquim Itapary, que nasceu em São Bento, fará o lançamento de Onde andará Willy Ronis às 20h, na escola estadual Dom Francisco. A obra é, na verdade, uma coletânea de crônicas que ele escreveu entre os anos de 2000 a 2007, as quais foram todas publicadas em edições de O Estado. Uma das crônicas intitula o livro e está na página 116.

A Copa e o legado de mobilidade urbana

A Copa do Mundo terminou e ficamos com sensações contraditórias sobre ela. Em campo, perdemos. No acolhimento aos visitantes, ganhamos. No seu conjunto houve relativamente poucos incidentes e o clima foi de grande festa. Mas, afinal, valeu a pena? Foi um bom emprego de recursos públicos?

Quando a Copa foi vendida para a população brasileira e anunciada em outubro de 2007, além da festa e da possível consagração da seleção no seu próprio país, superando de vez o trauma de 1950, foi comunicado um tripé de benefícios que justificava a candidatura: o impulso ao turismo e aos negócios, numa releitura do Brasil como país do presente, a reconstrução e a modernização dos estádios com recursos privados, e para as cidades-sede, um choque de mobilidade.

A escolha de Dunga para técnico da seleção me deixou perplexo, surpreso; não entendi nada

Tostão

Triste realidade

A escolha de Dunga para técnico da seleção me deixou perplexo, surpreso; não entendi nada
Por que Dunga? Tenho o hábito de tentar compreender as razões das atitudes humanas, mesmo quando as acho absurdas, ridículas, mas a escolha de Dunga me deixou perplexo, surpreso. Não entendi nada. Já a de Gilmar Rinaldi, para coordenador das seleções, dá para explicar. Ele, como informou PVC, era frequentador da Federação Paulista, dirigida por Marco Polo Del Nero, presidente eleito da CBF e que já divide o poder com Marin.

Por que Dunga? Não foi somente porque ele e Gilmar estiveram juntos na Copa de 1994. Dunga teve a aprovação de Marin e de Del Nero. O estranho é que os dois, políticos, espertos e acostumados com troca de favores, tenham escolhido um técnico rejeitado pela maioria, rude, rígido, irritadiço, que não vive atrás de boquinhas, como vários ex-atletas, e que acabou com os privilégios na seleção. Tratou mal a todos.

ESPORTE - Lisca é apresentado como novo ténico do Sampaio Corrêa


Luiz Carlos Cirne Lima de Lorenzi, o Lisca, 41 anos, foi apresentado como novo treinador do Sampaio Corrêa. A coletiva de imprensa ocorreu na manhã de ontem, no Parque José Carlos Macieira. Logo no primeiro contato com os repórteres, o novo técnico destacou o carinho pelo Tricolor, relembrando que por pouco não dirigiu o clube no ano passado.

Para evitar mais polêmicas com a saída do ex-treinador Flávio Araújo, Lisca disse que o seu acerto com o Sampaio só aconteceu depois da saída do antigo técnico. “O contato foi de ontem [anteontem] para hoje [ontem], mas é claro que eu já conhecia o presidente e o Sampaio. Em 2013, após o Campeonato Gaúcho, passei três dias aqui, mas não fui liberado pelo clube com quem tinha contrato, o Juventude. Entretanto, firmei uma amizade forte com o presidente. E ontem ele me fez o convite e aceitei, porque conheço o clube e sei da sua grandiosidade”, disse.

Ator Rômulo Estrela participará de roda de conversa no Cine Praia Grande

O ator maranhense Rômulo Estrela, convidado especial do 37º Festival Guarnicê de Cinema, realizará um bate papo sobre a profissão de ator e o mercado de trabalho com atores, atrizes, realizadores, fãs e o público em geral. O evento acontecerá nesta sexta-feira, 25, às 15h30, no Cine Praia Grande, em São Luís (MA). As senhas que dão acesso ao bate papo devem ser retiradas gratuitamente a partir das 14h30, no Cine Praia Grande.
No sábado, 26, o ator prestigiará às 19h, também no Cine Praia Grande, a solenidade de encerramento do Festival, onde anunciará os filmes vencedores desta edição do Festival Guarnicê de Cinema. Apresentado pela Petrobras, o Guarnicê é uma promoção da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), por meio do Departamento de Assuntos Culturais da Pró-Reitoria de Extensão e da Fundação Sousândrade. A entrada é gratuita.

Honras ao mestre Apolônio Melônio

O cantador e fundador do Boi da Floresta, Apolônio Melônio será homenageado hoje pela passagem de seus 96 anos, com Missa em Ação de Graças.

ALTERNATIVO - 23/07/2014 - Jornal O Estado do Maranhão



Foto: Divulgação


Um dos mais antigos cantadores de bumba meu boi do Maranhão, Apolônio Melônio completa hoje 96 anos de idade. As homenagens acontecerão à noite, iniciando com Missa em Ação de Graças, às 19h30, na Igreja de Santo Expedito (Liberdade), seguida de exibição de um documentário em homenagem ao Boi da Floresta, em frente a sua sede, na Rua Tomé de Sousa, no mesmo bairro.

A Missa em Ação de Graças terá cânticos entoados em ritmo de bumba meu boi, segundo adiantou a esposa de Apolônio Melônio, Nadir Olga Cruz. Da missa, participarão familiares e amigos do homenageado. Foram convidados cantadores de bumba meu boi de sotaque da Baixada e de outros sotaques, como Humberto de Maracanã (Boi de Maracanã, sotaque de matraca), e também autoridades, como a governadora Roseana Sarney e a secretária de Estado da Cultura, Olga Simão. Lá, também estarão alguns amigos de Melônio, os quais, assim como ele, estavam no navio Maria Celeste, em 1954, quando este pegou fogo na Baía de São Marcos, a 500 km da costa.