Time do Sampaio totalmente reinventado para 2015
Tecnologia do Blogger.

Time do Sampaio totalmente reinventado para 2015

Sampaio perde a alma do time e se reinventa para 2015


Blog do Bruno Alves 
Canindé terá a missão de remontar o Sampaio
Desde 2010, o Sampaio iniciava a temporada comemorando o fato de manter a base da equipe titular para o ano seguinte. Isso durou até o fim de 2014, pois, após o término da Série B, o Tricolor maranhense perdeu todo o meio-campo considerado titular, além de jogadores que podem ser considerados boas opções para elencos de Série B. Com isso, chegou a hora do time se reinventar, e como esperado, a missão será bem complicada.

Para começar, vamos lembrar as principais perdas, como as saídas do meia Eloir e do volante Jonas, as únicas que renderam lucro ao Tricolor. Eloir foi para o Ceará após um acerto de R$ 150 mil entre os clubes e Jonas rendeu R$ 1mi aos cofres do Tricolor. Uillian Correia, também titular, terminou o contrato, não renovou e seguiu para o vozão.

Além disso, Rodrigo Ramos, titular por sete anos no Tricolor, não renovou e acertou com o Nacional-AM. William Paulista foi outro a deixar o time e acertar com o Náutico. Dentre os reservas, mas que eram boas opções no elenco, estão Márcio Diogo, que foi para o Fortaleza, Cascata seguiu para o América-RN e Tote voltou ao River-PI.

Dos citados, cinco titulares (Rodrigo Ramos, Jonas, Uillian Correia, Eloir e William Paulista). Ou seja, reformulação total. Para comanda este processo, o escolhido é Oliveira Canindé, que sabe trabalhar com poucos recursos e montar bons times, além de acumular boas campanhas por onde passou e quase conquistando o acesso com o Santa Cruz em 2014.

Para repor as saídas, até o momento chegaram Robert, autor de 30 gols pelo Fortaleza em 2014, sendo apenas nove em competições nacionais e 21 no Campeonato Cearense. O goleiro Toni, ex-Vila Nova, chega para ser titular, enquanto Ruan deve ficar como opção. No meio, o volante Romário, que também estava no Vila Nova, chega para brigar pela titularidade com Simplício e Dudu, além do zagueiro Leomar, que ficará como opção, e o lateral-direito Gil Mineiro, ex-Interporto, que será titular.

Voltando ao setor defensivo, o jovem zagueiro Edivânio, que estava no ASA, chega para brigar pela titularidade, principalmente por causa das lesões de Paulo Sérgio e Edimar, além do meia Thiago Ferreira, que estava no Chipre. Ambos indicados pelo técnico Oliveira Canindé.

Apesar disso, o elenco ainda conta com carências na lateral-esquerda, no meio-campo e no ataque, o que poderá ser resolvido com o possível empréstimo de jogadores do São Paulo.

Como é possível notar, uma reformulação profunda no elenco. Para o Campeonato Maranhense, o hegemonia Tricolor, retomada em 2014, não deverá ser complicada de ser mantida, mas para a disputa da Copa do Nordeste e até para realizar uma campanha surpreendente na Copa do Brasil, a equipe ainda não é forte o suficiente. Ainda há tempo e novos reforços devem chegar até o início do torneio, mas o mais importante agora, será acertar nestas últimas contratações antes do início do Nordestão.

0 comentários:

Postar um comentário

visualizações!