Paulo Coelho teve seus livros confiscados
Tecnologia do Blogger.

Paulo Coelho teve seus livros confiscados

Imagem relacionada


Proibido

Escritor brasileiro mais bem sucedido no exterior, Paulo Coelho teve seus livros confiscados pelo serviço de segurança da Líbia. Além do conterrâneo, tiveram livros confiscados autores famosos e cultuados como Dan Brown e Friedrich Nietzsche. As obras são acusadas de serem eróticas e contra o Islã. Os escritores divulgaram um texto em repúdio. "Não posso ficar sentado vendo meus livros serem queimados", escreveu Coelho, que contatou a Embaixada Brasileira.

Escritores e intelectuais líbios denunciaram  que os serviços de segurança do leste do país confiscaram dezenas de livros considerados "eróticos" ou contra o Islã, entre eles obras de Paulo Coelho.

Entre os livros apreendidos, em árabe e importados do Egito, também há textos do filósofo alemão Friedrich Nietzsche, do romancista americano Dan Brown e do egípcio Naguib Mahfuz, prêmio Nobel de Literatura.


0 comentários:

Postar um comentário

visualizações!