Exposição de xilogravuras de André de Miranda em cartaz no Sesc
Tecnologia do Blogger.

Exposição de xilogravuras de André de Miranda em cartaz no Sesc

Xilogravuras de André de Miranda falam sobre o contexto social
Considerado um dos principais nomes da xilogravura contemporânea, o artista plástico carioca André de Miranda está apresentando em São Luís a exposição “Xilogravuras - A poética do Olhar”. A mostra está em cartaz na Galeria de Arte do Sesc (Centro) e poderá ser conferida até o dia 30 deste mês. O horário de visitação é das 9h às 17h e as visitas mediadas podem ser agendadas pelo número (98) 3216-3830.

André de Miranda tem 40 anos dedicados às artes plásticas e a mostra traz um panorama artístico de sua trajetória. “São 61 xilogravuras que trouxe para o Maranhão a partir de uma mostra maior que celebra os 40 anos de carreira e que apresenta um panorama com trabalhos representativos das minhas séries”, diz o artista.
A exposição mostra uma visão de André de Miranda sobre o homem urbano diante das transformações sociais e urbanísticas das cidades brasileiras. “Esta é a primeira vez que exponho em São Luís. A mostra acontece por meio de um edital do Sesc Nacional”, pontua o xilogravurista.
Na mostra, há peças produzidas desde o início da década de 1980 e no seu trabalho é possível perceber um tom poético e questionador, sugerindo ao público uma reflexão sobre as mudanças no mundo atual. “Depois de São Luís, a mostra retorna para meu ateliê, no Rio de Janeiro. E preparo, para o ano que vem, um livro sobre os 40 anos de carreira e outra exposição que será em Joinville (SC)”, adianta o artista.
Carreira
Nascido no Rio de Janeiro em 1957, o artista plástico André de Miranda iniciou seu trabalho artístico em 1975, quando estudou na Academia de Arte e Cultura Elzira Amábile, no Rio de Janeiro. Sendo discípulo da artista Genia Walisberg.
Seus trabalhos com xilogravura começaram a ser produzidos em 1978, no ateliê do gravador Ciro Fernandes, onde conviveu com diversos artistas, entre eles Augusto Rodrigues, Frank Schaeffer, Teixeira Mendes, Tilde Canti, Marcelo Soares, J. Borges, iniciando assim, na xilogravura. Também estudou xilogravura com Marcelo Soares, J. Borges e Anna Carolina e gravura em metal com Marcelo Frazão e Heloísa Pires Ferreira. Estudou Desenho de Artes Gráficas e Desenho de Propaganda no Senai/RJ.
Exposições
Miranda já realizou mais de 300 exposições individuais e coletivas tanto no Brasil como no exterior, recebendo inúmeros prêmios ao longo destes 36 anos de carreira, destacando-se Menção Especial na 5ª Bienal de Gravura Olho Latino (2011); 9º Premio Internacional del Grabado - Premio el Caliu - Espanha (2004); prêmio aquisitivo na 8ª Bienal Internacional de Gravura - Premio el Caliu (2003)Espanha; menção honrosa no 49º Salão de Artes de Piracicaba, SP (2001); referência especial de júri no Salão da Fundação Cultural de Maricá, RJ (1997); Ordem ao Mérito das Belas Artes, conferida por Augusto Rodrigues no 1º Salão de Artes CIAGA, RJ (1985); Referência Especial do Júri no 1º Salão do Museu da Cidade do Rio de Janeiro, RJ (1979).
O artista realizou perto de 80 palestras e cursos de gravura nas principais cidades brasileiras e participou de grandes bienais e trienais de Gravuras na Argentina, Espanha, Polônia, Japão, Itália, China, Bulgária, Portugal, Suécia, Egito e Romênia.
Serviço
O quê
Exposição “Xilogravuras - A poética do Olhar”
Quando
Até o dia 30 de setembro, das 9h às 17h
Onde
Galeria de Arte do Sesc (Centro)


0 comentários:

Postar um comentário

visualizações!