Festival Guarnicê de Cinema será realizado na capital maranhense
Tecnologia do Blogger.

Festival Guarnicê de Cinema será realizado na capital maranhense

O tradicional Festival tem mais de três décadas, e registrou para edição de 2015 mais de 200 inscrições de produções de todo o país. A mostra volta a ser exibida no mês de junho.

Patricia Cunha - Jornal O IMPARCIAL - IMPAR - 06.05.15

Até esta sexta-feira a Comissão Organizadora do Festival Guarnicê de Cinema deverá divulgar os filmes selecionados para a mostra competitiva do evento. A organização recebeu cerca de 200 inscrições de produções de todo o Brasil. Esta edição do Festival, que este ano completa 38 anos, será de 8 a 13 de junho. A abertura será no Teatro Arthur Azevedo, às 19h, com um homenageado ainda a ser confirmado.
Uma das novidades para este ano é exatamente a volta do Festival para exibição no mês de junho, em que São Luís é tomada por várias manifestações culturais e populares. O 38º Festival Guarnicê de Cinema vai ocupar todos os pontos culturais da cidade, a exemplo da Casa do Maranhão, Teatro João do Vale, Centro de Criatividade Odylo Costa Filho e Teatro da Cidade de São Luís, entre outros endereços que vão receber as diversas mostras e ações formativas.
Além da exibição de mostras competitivas de filmes de curta e longa metragem, mostras especiais, palestras, wokshops e mesas redondas, o Festival propõe, ainda, a realização de sessões de mostras informativas, onde destacam-se a Mostra Guarnicêzinho (no Teatro João do Vale) e a Mostra Jovem (Teatro da Cidade), que tem como público alvo alunos do ensino básico, das redes municipal e estadual.
Saulo Simões, diretor de Audiovisual da UFMA e integrante da Comissão Organizadora do Festival fala a respeito da atual fase do Festival e também das novidades deste ano. “Nós recebemos inscrições de produções muito boas, de excelente qualidade de todo o Brasil e também do Maranhão, e a Comissão está tendo esse trabalho com muito cuidado para selecionar os filmes que vão estar na mostra competitiva. Este ano o Festival vai acontecer de novo no mês de junho, o que nos agrada porque é um período de muita efervescência cultural na cidade e, além disso, nós estamos com uma novidade que é a ação formativa Da sala de cinema para a sala de aula: o Festival Guarnicê de Cinema como espaço de mediação, implantada pela primeira vez este ano com o propósito de capacitar professores e assim formar multiplicadores nas salas de aula para que o estudante, o aluno ao assistir um filme possa vê-lo com um olhar mais crítico. Esse é o nosso trabalho de base”, avalia.
O objetivo da ação é que o professor use filmes e outros meios de comunicação de massa para proporcionar discussões em sala de aula, capacitar os alunos, prepará-los para reflexões críticas acerca das informações veiculadas não só pelo cinema como por outros meios de comunicação.
“A partir daí, e essa já é uma ação preparatória para os 40 anos do Festival, vamos incentivar levando o Cine Clube, todas as ferramentas e a expertise do Festival para essas escolas para que os alunos se sintam motivados a fazerem suas produções também. O propósito e isso já seria uma grande novidade é que essas produções sejam exibidas nos 40 anos do Festival”, acredita Simões.
O Festival Guarnicê tem o propósito não só de aproximar o cinema de todos os públicos, mas propor discussão sobre a produção local e intercambiar ações com institutos de audiovisual de outros estados que têm tradição em pensar e produzir cinema.
A divulgação dos filmes vencedores e a premiação do Troféu Guarnicê será no dia 13 de junho em solenidade de encerramento em local a ser divulgado
História antiga
Desde 1977 a Universidade Federal do Maranhão promove o Festival, um evento que prima pela sétima arte nacional e regional e que é a mais antiga janela para exibição de curtas e longas-metragens no estado do Maranhão. O Guarnicê é o quarto mais antigo do país e o segundo mais antigo promovido por universidades públicas brasileiras.
Ao longo de 37 edições o Festival ofereceu cerca de 400 ações formativas a aproximadamente 8.000 pessoas; recebeu 18.500 trabalhos inscritos para suas mostras e alcançou 110.000 pessoas como público. Em 2014, a média de público chegou a mil pessoas por dia. As Mostras Guarnicezinho e Jovem, pensadas para os alunos do ensino fundamental e básico da rede pública de ensino, chegou a receber 400 alunos por dia.
Guarnicê
O Festival Guarnicê tem como característica a atuação multi e interdisciplinar, promovendo o intercâmbio entre os realizadores e a comunidade em geral, oferecendo uma diversificada experiência cinematográfica através de uma intensa programação gratuita, como mostras competitivas, mostras informativas e itinerantes, realização de seminários, workshops e mesas redondas, estimulando o público a reflexão e a discussão acerca desta arte contemporaneamente produzida no Brasil e no mundo.
Categorias do Troféu Guarnicê
Melhor filme longa metragem nacional
Melhor filme curta metragem nacional
Melhor filme curta metragem realizado por maranhenses
Melhor direção
Melhor roteiro
Melhor direção de fotografia
Melhor montagem/edição
Melhor trilha sonora original
Melhor trilha sonora adaptada
Melhor direção de arte
Melhor ator
Melhor atriz
SERVIÇO
O quê? Festival Guarnicê de Cinema
Quando? De 8 a 13 de junho
Onde? Vários espaços culturais do Centro
Quanto? Aberto ao público

0 comentários:

Postar um comentário

visualizações!