Fuzileiros da Fuzarca no pré-Carnaval da Madre Deus de 2015
Tecnologia do Blogger.

Fuzileiros da Fuzarca no pré-Carnaval da Madre Deus de 2015


Bloco, que completa 79 anos e é formado em sua maioria por idosos, mostrou muita animação.

11/01/2015



Batucada cadenciada é a marca registrada do bloco, que completa 79 anos


Desde o primeiro dia do ano, quando o Carnaval deu seu primeiro grito pelas ruas da Madre Deus, o tradicional bairro de São Luís respira os ritmos da temporada e, nesse segundo fim de semana de folia pré-carnavalesca, não podia ser diferente. Pelas ruas estreitas do bairro madredivino, a folia de Momo foi celebrada ontem por foliões de todas as idades. Quem arrastou uma multidão por onde passou foi o bloco alternativo Fuzileiros da Fuzarca, que, ao som de sua batucada inconfundível, encheu as ruas da Madre Deus com as cores preto e branco.
A festa começou cedo, às 14h, com concentração na sede do grupo, na Rua Afrânio Peixoto. De lá, seguiram em cortejo pelas ruas da Madre Deus, arrastando seguidores e outros foliões que se juntaram à folia de Momo. Um dos grupos mais tradicionais de São Luís, o Fuzileiros da Fuzarca completa 79 anos de atividade este ano. Uma de suas marcas registradas é a batucada bem cadenciada, própria da forma de tocar das primeiras escolas de samba da capital, antes da implantação do ritmo mais acelerado, que marca os desfiles atuais.

Segundo a diretora do Fuzileiros da Fuzarca, Maria da Graça Viana, apesar do bloco ser composto em sua maioria por sambistas e foliões considerados da velha guarda, o que não falta é ânimo para brindar o Carnaval. "Este ano, assim como nos outros, estamos com toda garra para o Carnaval. Apesar de sermos um grupo de maioria idosa, o que não nos falta é pique para brincar", assegurou.
Quem acompanha o grupo há muito tempo, como Maria do Rosário de Almeida, de 60 anos, garante que a temporada carnavalesca é um dos momentos mais aguardados do ano. "O Carnaval é a época em que botamos nossa energia para fora e mostramos que não importa a idade, e sim a alegria. O Fuzileiros é a minha paixão", disse.
A folia também tem espaço para os mais jovens, como Alice Vieira dos Santos, de 11 anos, que este ano saiu pela primeira vez no Fuzileiros da Fuzarca. "É a primeira vez que estou saindo no bloco e estou gostando muito. Vim acompanhar o meu pai, que todo ano participa", disse.
Carros - Os bares da Madre Deus estavam lotados e muitos moradores do bairro aproveitaram para fazer o seu próprio Carnaval na porta de casa. Quem não acompanhou os blocos que passavam se divertiu com a batida dos sons automotivos, que tocavam músicas de vários ritmos.
A Avenida Ribamar Pinheiro foi o ponto de concentração da maioria desses veículos com grandes estruturas de som automotivo, que disputavam a atenção dos foliões com os blocos que passavam. As opções estavam lá, bastava escolher em qual ponto do tradicional berço carnavalesco o folião iria se divertir.



0 comentários:

Postar um comentário

visualizações!