40° Festival Guarnicê de Cinema está superando as expectativas
Tecnologia do Blogger.

40° Festival Guarnicê de Cinema está superando as expectativas


“Este ano o Guarnicê está superando as nossas expectativas”. Essa é a avaliação de Fernanda Santos Pinheiro, diretora do Departamento de Assuntos Culturais da UFMA, responsável pela realização do festival de cinema, após os primeiros dias do maior evento do audiovisual do estado. A programação do 40° Festival Guarnicê de Cinema segue até este sábado, dia 10, com diversos filmes a serem exibidos gratuitamente para o público de todos os gostos.

As atividades do Guarnicê estão acontecendo durante a manhã, tarde e noite no Centro de Criatividade Odylo Costa filho, no Teatro da Cidade (antigo Cine Roxy) e na sede do DAC, localizada na Rua Humberto de Campos, todos esses espaços situados no Centro Histórico da capital maranhense, principal cartão postal da ilha.


Programação - Na noite da última segunda-feira, por exemplo, foi dada continuidade à mostra competitiva nacional, iniciada no domingo. Mais uma vez o Teatro Alcione Nazareth, localizado dentro do Odylo Costa Filho, ficou lotado dos amantes da sétima arte.

A sessão da noite foi aberta às 19h com a exibição de três curtas: a ficção “Balada para os Mortos” , de Lucas Sá (Maranhão); a animação “O Quebra cabeça de Tarik”, de Maria Leite (Minas Gerais); e  a ficção “Confidente”, de Karen Akerman e Miguel Seabra Lopes (Rio de Janeiro).

Em seguida foi feito um intervalo de alguns minutos, onde as pessoas tiveram mais uma vez a oportunidade de visitar a exposição que fala  sobre a trajetória dos 40 anos do festival. Depois o público retornou para o teatro onde conferiu a exibição do documentário “Ridículos”, de Paula Lice, Rodrigo Luna e Ronei Jorge (Bahia).

Seleção - O público do 40º Festival Guarnicê de Cinema está assistindo a uma programação variada com muitas produções maranhenses e nacionais de altíssima qualidade conceitual, técnica e profissional. Os curtas e longas foram selecionados por profissionais ligados ao audiovisual nacional e com experiência em curadoria de outros festivais e mostras de cinema do Brasil e de outros países. 

Um dos integrantes da curadoria do evento é Raffaele Petrini, que está participando como curador pela terceira vez. “Nós queríamos uma linguagem cinematográfica plural nos documentários nos documentários e ficção. Nos longas, demos destaque para o Norte e Nordeste, que é o cinema mais interessante e próximo de nós”, disse.
Ele destacou também o fato de este ser o primeiro em que há uma mostra competitiva maranhense com premiação em dinheiro. “é importante para valorizar o cinema local que está tendo projeção não apenas nacional, mas internacional”, pontuou.
Outro ponto destacado por Petrini é que os cineastas estão tendo a confiança de escrever um filme inédito no festival, o que mostra que o Guarnicê de Cinema está tendo o reconhecimento em âmbito nacional. “O expectador do Guarnicê vai sair com um olhar bem preciso do cinema contemporâneo brasileiro”, analisou.
                                                                                                                                                    
Segundo dia da Mostra Guarnicêzinho lota Cine Teatro da Cidade

Aconteceu na última terça-feira,6, o segundo dia da Mostra Guarnicêzinho, no Cine Teatro da Cidade, das 9 às 10h. A Mostra exibe produções de todo o Brasil com temáticas direcionadas ao público infanto-juvenil. A sessão foi lotada e contou com a presença de alunos de seis a 13 anos, que se divertiram bastante durante a exibição dos filmes selecionados.

Os curtas-metragens exibidos nesta terça-feira,6, foram “A Culpa é do Neymar”, de João Ademir (RJ), “Ilha das Crianças”, de Zeca Ferreira (RJ), “A Pequena História da Lenda de Ana Jansen”, de Beto Nicácio (MA), “As Aventuras do Menino Pontilhado”, de Leo Tabosa (PE) e “Eita Boi”, de Marcos Ronilson do Nascimento (MA). Esse último está incluso em todos os dias da Mostra, como forma de enaltecimento da cultura local.

Na sessão, estiveram presentes 240 alunos das escolas UI Força Aérea Brasileira, UE Rubem Almeida, CE Antonio Ribeiro da Silva, UEB Josefina Serrão, UEB Salomão Fiquene, UEB João do Vale e o Centro de Ensino Sagrada Família (Paço do Lumiar). João Pedro Alves, de sete anos, estuda na escola Josefina Serrão e diz que adorou todos os filmes, mas principalmente o primeiro, por se tratar de futebol. “Gosto de ir ao cinema e de jogar bola. Os dois juntos é ainda mais legal”, disse.

A próxima sessão da Mostra Guarnicêzinho aconteceu nesta quarta-feira, 7,  no Cine Teatro da Cidade, a partir das 9h, e terá como programação os filmes “As Aventuras de Chauá”, “A Culpa é do Neymar”, “Sírius”, “Vivi Viravento”, “Passo”, “Espantalho”, “A Pequena História de Ana Jansen” e “Eita Boi”. A Mostra segue até a próxima sexta-feira, 10.

0 comentários:

Postar um comentário

visualizações!