Edivaldo e Wellington do Curso devem disputar segundo turno em São Luís
Tecnologia do Blogger.

Edivaldo e Wellington do Curso devem disputar segundo turno em São Luís

Gilberto Leda - Jornal EMA
Última pesquisa Escutec aponta queda de quatro pontos do candidato do PDT e crescimento do adversário do PP; Eduardo também registrou crescimento.
SÃO LUÍS - A disputa eleitoral em São Luís deve ser mesmo decidida em dois turnos. É o que aponta a última pesquisa Escutec/O Estado finalizada antes do 1º turno na capital. De acordo com o levantamento, o atual prefeito, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), candidato pela coligação “Pra seguir em frente”, deve ter 41,5% dos votos neste domingo, 2. Em segundo lugar, consolidou-se o deputado estadual Wellington do Curso (PP), da coligação “Por amor a São Luís”, com 27,5%.

Os dois apresentaram curvas diferentes em uma semana: na pesquisa do dia 24 de setembro, Edivaldo Júnior tinha 45,3% (agora caiu 3,8 pontos), contra 24% de Wellington do Curso - que cresceu 3,5 pontos.

Segundo pelotão

Abrindo o segundo pelotão, aparece a deputada federal Eliziane Gama (PPS), da coligação “São Luís de verdade”, com 8,38%, já seguida muito de perto pelo deputado estadual Eduardo Braide (PMN), que apareceu com 7,25% após bom desempenho no debate da TV Mirante – segundo registro do Escutec, a pesquisa ainda ouviu eleitores na sexta-feira, 30. Na sequência, aparecem Fábio Câmara (PMDB), da coligação “Coragem para fazer”, com 4%; Rose Sales (PMB), com 2,75%; Zeluís Lago (PPL), com 1%; Valdeny Barros (PSOL), 0,75%; e Cláudia Durans (PSTU), 0,5%.

Não sabem ou não responderam somaram 3,75% e outros 2,63% disseram não votar em nenhum dos candidatos.

Votos válidos

O instituto Escutec também apresentou os números dos chamados “votos válidos” – excluídos os registros dos eleitores que não sabem ou não responderam e que disseram não votar em nenhum dos candidatos.
Considerando-se este cenário, a tendência é que Edivaldo Holanda Júnior e Wellingotn do Curso passem para o segundo turno: o pedetista tem 44,3% e o candidato do PP aparece com 29,4%. Eliziane Gama tem apenas 8,9% dos votos válidos e Eduardo Braide 7,7%. Na sequência, aparecem Fábio Câmara (4,3%), Rose Sales (2,9%), Zeluís Lago (1,1%), Valdeny Barros (0,8%) e Cláudia Durans (0,5%).

Registro

A pesquisa Escutec, contratada pelo jornal O Estado, ouviu 800 eleitores entre os dias 28 e 30 de setembro. O registro na Justiça Eleitoral foi feito sob o protocolo MA­05600/2016. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos, e o intervalo de confiança de 95%.
Diferença entre candidatos é de 6,87 pontos no 2º Turno

O instituto Escutec levantou, também, três possíveis cenários de segundo turno na disputa em São Luís.
No mais provável deles, entre o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT) e o deputado Wellington do Curso (PP), o pedetista leva vantagem: 49% contra 42,13. Nenhum deles seriam 3,88% e não sabe ou não respondeu, 5%.

Cenários

Num segundo cenário com a presença do atual chefe do Executivo municipal, ele aparece na frente também da deputada federal Eliziane Gama (PPS).
Nesse caso, Edivaldo teria 53,25% dos votos, contra 22,13% da popular sociailista. Nenhum deles seriam 11,75% e não sabe ou não respondeu, 12,88%.

Num hipotético terceiro cenário, Wellington do Curso apareceria com 47,13%, contra 26,13% de Eliziane Gama. Nenhum deles seriam 11,75% e não sabe ou não res­pondeu, 15%. l



0 comentários:

Postar um comentário

visualizações!