Sambistas protestam contra corte de verba para carnaval, rezam no Sambódromo e gritam ‘fora Crivella”
Tecnologia do Blogger.

Sambistas protestam contra corte de verba para carnaval, rezam no Sambódromo e gritam ‘fora Crivella”



A tarde ensolarada de sábado e o dia propício para a praia, a cerveja gelada e o churrasco com os amigos não diminuiu a vontade dos sambistas em protestarem contra a decisão da Prefeitura do Rio de Janeiro de cortar 50% da verba para os desfiles do Grupo Especial no Carnaval 2018. A medida deve atingir também a Série A e as escolas que desfilam na Intendente Magalhães. De 200 a 300 pessoas participaram do protesto que começou em frente ao prédio da Prefeitura do Rio, na Cidade do Nova, e terminou no Sambódromo, com direito a reza e gritos de “fora Crivella”.

– Ele (prefeito Crivella) jogou para galera e esqueceu das famílias que vivem do carnaval. Pegou o ponto fraco, falando que vai tirar o dinheiro das escolas para dividir com as crianças. A escola de samba gera, durante todo o período antes e depois do carnaval, centenas de emprego. Temos necessidade de trabalhar o ano inteiro para o desenvolvimento do desfile. Todo mundo tem família necessitada. Vai tirar de um lado para dar para outro. Ele não foi feliz – comentou Laíla, diretor de carnaval da Beija-Flor, que também comentou sobre uma possível intolerância religiosa do
prefeito.

0 comentários:

Postar um comentário

visualizações!