Grupo Universitário de Teatro abre seleção para novos atores
Tecnologia do Blogger.

Grupo Universitário de Teatro abre seleção para novos atores

O Grupo Universitário de Teatro (GUT) da UFMA está com inscrições abertas para a seleção de novos talentos. São 20 vagas que se destinam à comunidade acadêmica e à comunidade em geral, desde que sejam maiores de 18 anos. Para realizar a inscrição o candidato deve se inscrever pelo site ou procurar a Biblioteca Setorial de Artes – BSA (Bloco 6, 2º andar, Centro de Ciências Humanas), até o dia 28 de abril, das 9 às 18h.

Os interessados devem ter disponibilidade semanal de terça a quinta, das 18h30 às 21h30. A seleção ocorrerá por meio de testes de aptidão, realizados no dia 2 de maio às 18h30, na Rua Humberto de Campos, nº 174, Centro – DAC. Para mais informações, acesse o site do GUT ou ligue para 3221-5232. Os atores selecionados poderão permanecer no grupo enquanto houver disponibilidade e terão a oportunidade de participar de cursos de aperfeiçoamento, atuação em espetáculos, participação em festivais e eventos, certificado.
Saiba +
O GUT - Grupo Universitário de Teatro é um Projeto de Extensão da Universidade Federal do Maranhão criado em 1996 pela Professora Ana Teresa Desterro Rabêlo e alunos do Curso de Educação Artística (DEART) e tem como objetivo aproximar a comunidade da Universidade, por meio do teatro.
Em seus dezenove anos de existência, o GUT já montou vários espetáculos, entre os quais se destacam: "O Castigo do Santo" (1996), de Aldo Leite; "O Tribunal dos Divórcios" (1997), de Miguel de Cervantes; "O Piquenique no Front" (1997), de Fernando Arrabal; "A Filha de Pai Francisco" (1998), de Lenita Estrela de Sá; "O Amor de D. Perlimplim com Belisa em seu Jardim" (1999), de Federico Garcia Lorca; "Hoje a Banda não Sai" (2001), de Severino Tavares; "O Planeta dos Palhaços" (2003), de Pasqual Lourenço Teudech; "A Formiga Fofoqueira" (2003), de Carlos Nobre; "A Boa" (2003), de Aimar Labaki; Trilogia "Sedução" (2005): “Uma Palavra por Outra”, de Jean Tardieu, “O Amor de Colombina”, de Menotti Del Picchea; e "A Esmola é Grande, e o Santo nem Desconfia" (2000), baseada na obra de Nelson Rodrigues (Adaptação do Grupo); "O Consertador de Brinquedos" (2006), de Stella Leonardos; "Além do Arco-Íris” (2008), de Aldo Leite; Commedia Dell´Arte “Os Quatro Falsos Endemoninhados” (2008), (Adaptação do Grupo); “O Rico Avarento” (2009), de Ariano Suassuna; “O Casamento da Comadre Sebastiana” (2009), de autoria desconhecida (Adaptação do Grupo); “Deus” (2010), de Woody Allen (Adaptação do Grupo), “A Viagem de um barquinho”, de Silvia Ortof (2010) “Entre a Missa e o Almoço”, de Arthur de Azevedo (2013), entre outros.
O grupo possui uma diretriz muito particular, que é apresentar-se em espaços comunitários de bairros periféricos de São Luís, hospitais públicos e escolas públicas, no intuito de levar o teatro aonde as pessoas pouco têm acesso.

0 comentários:

Postar um comentário

visualizações!